Olá amigos corredores, obrigado por sua visita! Se gostou do nosso blog, indique-o para seus amigos.

Hello, my friends! welcome to Mundo das corridas! If you like this space, please share it with your friends.

Dzień dobry, drogi czytelniku, witaj w blogu Mundo das corridas! Dziękujemy za wizytę. Jeśli nasz blog ci sie spodobał, poleć go swoim znajomym.

!Hola! , amigos . Sea bienvenido y si le gustó mi blog, recoméndelo a sus amigos.

28 de outubro de 2007

Treinamento funcional para praticantes de corrida

O treinamento funcional se baseia na melhoria de aspectos neurológicos que afetam a capacidade funcional do corpo, através de exercícios de propriocepção (percepção do corpo através de um estimulo ou um movimento) que desafiam o sistema nervoso, causando uma adaptação que resulta na melhora das capacidades físicas, como, flexibilidade, velocidade, coordenação, equilíbrio, força e resistência, atuando também em prevenção de lesão e melhora de gestos esportivos, como a corrida.
PROPRIOCEPÇÃO
É a percepção do corpo através de um estimulo ou um movimento. Os proprioceptores são encontrados na cápsula articular, ligamentos, tendões e músculos, quando estimulados informam ao córtex cerebral o grau das tarefas que estamos realizando, dessa forma permitindo a realização de movimentos mais complexos, protegendo as estruturas do aparelho locomotor, com exercícios em tempos de curta duração e executados em planos de movimento diferentes do habitual, isso melhora o tempo de reação do individuo, alem de elevar a autoconfiança do praticante. A probabilidade de lesão é maior devido aos receptores não estarem “treinados” para responderem rapidamente a um estímulo diferente, como mudança de piso ao correr. Com o treinamento de propriocepção, diminui-se o período entre o estímulo e a resposta. Por isso da importância do treinamento de propriocepção para praticantes de corrida. Importância das capacidades trabalhadas no treinamento funcional: Flexibilidade - a melhora da flexibilidade tem relação com o aumento de produção de força dos músculos; Equilíbrio - exercícios que exigem equilíbrio estimulam o sistema de controle motor e favorecem ganhos de força muscular, a melhoria dos mecanismos de propriocepção; Força – deve ser estimulada em indivíduos destreinados, através de treinamento resistido, permitindo um aprimoramento da capacidade funcional do corpo. Velocidade, coordenação, flexibilidade e equilíbrio são a base da resistência muscular; Resistência - importante no treino funcional, pois diminui o aparecimento da fadiga e aumenta o rendimento dos sistemas aeróbio e anaeróbio; O treinamento funcional, além de trabalhar de forma integrada, deve ser trabalhado respeitando os princípios do treinamento, devendo ser prescrito de acordo com as necessidades individuais de cada um. Sendo ainda trabalhado de forma segura, prevenindo lesões. O treinamento funcional atua também em desequilíbrios musculares. Pensando no fato de que todos esses fatores estejam interligados e ao fato deles contribuírem uns com os outros para um resultado mais eficaz. Uma eventual carência de mobilidade no tornozelo originará instabilidade no joelho que, conseqüentemente, será fator causador de problemas no quadril, etc. Esses desequilíbrios estão associados a alterações de movimento articular e redução de amplitude de movimento, causado pela falta de atividade física.
Os músculos reagem de forma diferente ao estresse físico e são classificados como estabilizadores (articulação) e mobilizadores (responsáveis por movimentos articulares). Os músculos mobilizadores têm uma grande tendência a se enrijecerem ou encurtarem. Os estabilizadores têm uma tendência de enfraquecimento com a inatividade. Exercícios de fortalecimento dos estabilizadores sem um trabalho de alongamento dos mobilizadores pode ser ineficiente.
Os estabilizadores estão localizados mais profundamente no corpo e os mobilizadores são mais superficiais. Esse tipo de exercícios fornece uma base muscular forte e resistente necessária para a pratica esportiva.Os exercícios podem ser realizados com elásticos (rubber band), bola suíça (fit ball), bosu (balance trainer), balance disc e aparelhos de musculação.


Por Felipe romano
www.bresportes.com

Nenhum comentário: